Sábado, 1 de Março de 2008

No Country for Old Men

 

 

Ontem, após passeio de barco pela Ilha Formosa em Faro com direito a sessão fotográfica das espécies de aves que aí nidificam, entre as quais os elegantérrimos róseos flamingos, considerei por bem ir ver o filme galardoado com o óscar de melhor filme "No Country for Old Men", de Ethan e Joel Coen. Apesar do esforço titânico em manter-me acordado, as noites mal dormidas com uma média de 4 a 5 horas agravado de incidência solar directa na moleirinha toda uma tarde, triunfaram e na segunda parte do filme ... pouco vi. Estava a gostar, confesso que sim, sobretudo do desempenho de Javier Bardem. É certo que não vi tudo mas os amigos que me acompanhavam não pareceram sobremaneira entusiasmados. Como não vi atentamente a segunda parte, não posso pronunciar-me porque por vezes um simples diálogo pode revelar toda a essência. No entanto, pela atitude geral, fiquei com a impressão de que pairou uma certa desilusão com o oscarizado filme.

 

 

 

Qual a vossa opinião?

tags:

publicado por Brama às 12:40
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Graduated_Fool a 2 de Março de 2008 às 17:41
Tenho aqui para ver mas ando ocupado a ver o Californication. Quando chegar ao último episódio logo vejo.

Mas têm-me dito que o filme é muito, muito bom. A ver vamos...


De Maria a 2 de Março de 2008 às 21:46
Eu ainda não vi. Ainda não chegou à nossa cidade!! Mas pelas críticas que já li, acho que é mesmo muito bom. Todos os critícos são unânimes! E o Bardem, pelas apresentações que vi, está mesmo fenomenal.

Quanto ao filme ser parado, acho que é mesmo assim. Ouvi um dos críticos de cinema da SIC a dizer que era um filme em que os diálogos e as interpretações são valorizadas, em detrimento da acção. Da mesma forma, o final é fiel ao livro e vai haver muita gente a achar que o final não faz grande sentido ou é uma desilusão, mas eles (os realizadores) foram mesmo fiéis ao livro.

Beijos


De liliana a 25 de Março de 2008 às 01:40
Exceptuando Javier Bardem, o filme não é nada por ai além, aliás acho que acaba por se desenvolver por vias sem sentido ou nexo. Grande desilusão.


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 4 seguidores

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. SIA Lentil

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Sem "papas na língua", co...

. Heartbeat Educação

. Que seria de nós sem um G...

. Como estamos em Ditadura ...

. Born Free

. MDNA, in full conviction!

. Cheikh N`Digel Lô e MDNA

. É assim que Shanghai pens...

. Aziza Mustafa Zadeh

. O tempo é escasso

. Só para relaxar um pouco ...

. Mulher que mata qualquer ...

. She give me money ... whe...

. Ainda estou vivo

. Because of You ...

. Inté

.arquivos

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Junho 2012

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds