Sábado, 18 de Abril de 2009

América ... o poder não mora aí !

Concentremo-nos todos ... concentremo-nos e meditemos um pouco. Relativizemos de uma vez por todas o poder dos States no contexto internacional. O protagonismo desse, até certo ponto e claro está, dependendo do ponto de vista, grande aglomerado de Estados, tem os dias contados. Veja-se o crescimento económico a marcar pontos a Oriente. A Coreia tem as armas, o Japão tem a tecnologia e a massa cinzenta, a China tem a mão-de-obra, ... todos têm elevadíssimos níveis de produtividade, extrema capacidade de organização, enorme potencial de trabalho, de produção e de competitividade ... pronto, quase sempre sacrificando o individual em prol do colectivo.  O gigante dragão vermelho a pouco e pouco acordando do seu sono profundo, pronto para esmagar aqueles que há muito tempo se consideram os reis e senhores do mundo, aqueles que acham que têm de opinar, decidir, pôr e dispor das decisões, do rumo e do futuro de outras nações, aqueles que sem escrúpulos e atacados de um pretensiosismo sem limites, se autodenominam de AMÉRICA, como se em si mesmo, fossem todo um continente. Felizmente que a América é muito mais e muito mais rica. Depois temos a Europa, centro de arte do mundo, centro da criação, um poço de riqueza na arquitectura, na monumentalidade, na música, na pintura, na escultura, na gastronomia. Desiludam-se os que ainda vivem cegos pela cultura estado-unidense, Os EUA não ganham em praticamente nada ... a comida é uma treta (e só para ser diplomático), o cinema não é superior ao europeu (escusam de dizer que é, porque não é), os valores, o que é isso?... quais valores? ... essa palavra não existe num dicionário estado-unidense. Se a China maltrata os seus cidadãos, os EUA não são muito melhores ... muda um pouco é o estilo. Não creio que um controlo da cena mundial pelo Oriente seja uma boa solução, mas confesso que me dá um certo gostinho perceber que os EUA vão a pouco e pouco, perdendo algum protagonismo.

 

Bem e estou-me a afastar do propósito deste post ... o que eu queria mesmo dizer é:

 

"América (ou para precisar melhor, EUA), esquece as Rhiannas, as Britneys e as Nellys ... essa cambada de parvalhonas que se acham cantadeiras ... esquece, não cantam e só desencantam ... se fossem croatas ou senegalesas, ninguém sabia da sua existência."

 

O poder não mora aí ... vem dos Países Baixos e chama-se Anouk.

 

ATENÇÃO: Este é um post assumidamente anti- USA.

 

 

 

 

sinto-me: revoltado
música: Everything & If I Go

publicado por Brama às 00:10
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De pinguim a 18 de Abril de 2009 às 01:45
Eu também sou anti-americano por natureza, mas não tão radical...


De AMCD a 18 de Abril de 2009 às 16:33
A América é feita com a sobra da Europa. ( Ortega y Gasset).

Gostei da Anouk e da sua voz nasalada. A música é potente.

AMCD


De Graduated_Fool a 19 de Abril de 2009 às 18:57
Grande confusão de post, homem!

A verdade é que os EUA têm muitas coisas más, mas também muitas coisas excelentes.
E prefiro que eles mandem do que a máquina asiática.

E terminas tudo com a Anouk? lol Só mesmo tu.
Esta mulher tem tudo. É gira que se farta, tem estilo, força, presença, é hiper sexy, uma bomba... e tem uma voz e forma de cantar excelentes. Canta como se fosse a coisa mais fácil do mundo. Anda por ali no palco, nas calmas, com o seu vozeirão, sem falhas de início ao fim. Adoro-a, sabes disso.
E não acho nada que tenha voz nasalada.



De AMCD a 20 de Abril de 2009 às 22:47
Começo a duvidar daquela máxima que diz que Deus fez o mundo e os holandeses a Holanda.

Este holandesa é divina. Uma obra de Deus. Aliás, uma deusa.

Quanto à voz, se é nasalada ou não: deixemo-nos de questiúnculas fúteis. É sem dúvida uma grande voz e uma grande mulher (embora não lhe conheça a altura).

Um abraço.

AMCD


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 4 seguidores

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. SIA Lentil

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Sem "papas na língua", co...

. Heartbeat Educação

. Que seria de nós sem um G...

. Como estamos em Ditadura ...

. Born Free

. MDNA, in full conviction!

. Cheikh N`Digel Lô e MDNA

. É assim que Shanghai pens...

. Aziza Mustafa Zadeh

. O tempo é escasso

. Só para relaxar um pouco ...

. Mulher que mata qualquer ...

. She give me money ... whe...

. Ainda estou vivo

. Because of You ...

. Inté

.arquivos

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Junho 2012

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds