Sábado, 20 de Outubro de 2007

Holi Festival - Celebração da Chegada da Primavera

Antes que alguém me acuse de ignorância, calma, calma, eu sei, eu sei que na Índia não é correcto referirmo-nos às estações do ano, como fazemos nas regiões temperadas. Assim sendo, ao contrário das regiões temperadas com as quatros estações do ano cada vez menos bem definidas, considerando as alterações climatéricas que cada vez mais esbatem e alteram as diferenças existentes, nas regiões tropicais deverá falar-se apenas de estação seca ou estação húmida em que uma será mais duradoura que a outra, consoante se trate mais de um clima tropical seco ou tropical húmido. Ainda temos o clima equatorial, que acompanha a linha do Equador e as regiões mais ou menos próximas, de latitudes próximas dos 0º, sendo que aqui, não existem diferenças climatéricas ao longo do ano e como tal, não existem estações do ano. No entanto, considerando a dimensão do subcontinente indiano, este abrange latitudes muito diferenciadas ao longo de todo o seu território. Como tal, a região norte da Índia e o Nepal, onde esta popular festa hindu tem lugar, encontram-se para norte do Trópico de Câncer, isto é, na região temperada do hemisfério norte, onde a nomenclatura das estações do ano correponde ao modelo que nós ocidentais, estamos habituados (verão, outono, inverno e primavera). O Holi, também designado de Festival das Cores, comemora-se no início de Março e representa a vida, a energia, a alegria, no fundo o brotar da vida com a chegada da primavera. As cores de pó utilizadas designam-se por Gulal. Independentemente da idade, este festival é celebrado por todos com um espírito de boa disposição, sai tudo para a rua vestido de branco por norma, os homens de "kurta" e as mulheres de saris (salwar khameez) para a grande festa, para atirarem pós coloridos, água e balões de água uns aos outros.
                                                                                                                                Brama                                         
 
 
sinto-me:

publicado por Brama às 19:30
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. SIA Lentil

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Sem "papas na língua", co...

. Heartbeat Educação

. Que seria de nós sem um G...

. Como estamos em Ditadura ...

. Born Free

. MDNA, in full conviction!

. Cheikh N`Digel Lô e MDNA

. É assim que Shanghai pens...

. Aziza Mustafa Zadeh

. O tempo é escasso

. Só para relaxar um pouco ...

. Mulher que mata qualquer ...

. She give me money ... whe...

. Ainda estou vivo

. Because of You ...

. Inté

.arquivos

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Junho 2012

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds