Domingo, 9 de Março de 2008

100 Mil ... Já dá para Ouvir?!

Sr. Sócrates, estamos a avaliar a sua ministra. "Porreiro pá!"

 

Superando largamente as expectativas, fomos cerca de 100 000 professores apinhados na capital, cerca de 2/3 dos docentes nacionais (143 000). De tal modo que, mal nos conseguíamos movimentar desde a  Avenida Fontes Pereira de Melo, passando pela Praça do Marquês, descendo pela Avenida da Liberdade até aos Restauradores, Rossio e finalmente Praça do Comércio que, estranhamente pareceu mais pequena, repleta da professorada. Quanto aos autocarros, consta que se esgotou o stock de autocarros disponíveis para alugar a nível nacional. A maior manifestação de sempre a nível nacional de uma única classe profissional a que se juntaram inclusive alunos, associações de pais e até alguns professores espanhóis. Embora a Sra. Ministra jamais o vá admitir publicamente, terá pelo menos a "remota" noção que hoje não fomos uns meros Professorzecos mas que, ao invés, lhe mostrámos que é uma Ministrazeca (des)educativa!

Da minha parte, dei o máximo contributo que a minha capacida física e vocal permitiram, "cuspi" alto e bom som todas as frases de ordem possíveis e não cedi à dor de garganta que, entretanto ameaçava instalar-se. Para além de uma colega de uma qualquer Escola, humoristicamente  me ter dito que os tratamentos aos ouvidos eram caros e ter  pedido já em desespero de causa que  não gritasse mais junto dos seus ouvidos, para seguidamente comentar com uma outra que estava estupefacta com o vozeirão do colega, houve momentos que conseguiram fazer saltar-me as lágrimas de boa disposição. Um deles foi com um dos motes que entretanto tínhamos para dizer, que julguei ser "Ministra Perturbada, Ministra ... Chumbada!", quando na verdade era "Ministra Reprovada, Ministra ... Chumbada!" ... claro que segui com uma enxurrada de "Ministras Perturbadas". Foi bom ter encontrado pessoas que há muito não via e senti-me bem porque verifiquei que as pessoas se sentiram confortadas com a adesão massiva o que, redobrou o acreditar de que "Os Professores Unidos, jamais serão vencidos!" ... é mesmo só uma questão de acreditar nessa força que terá de se impôr. A forte adesão hoje verificada confirma sem reservas de que não é sustentável a Escola actual e o sistema de avaliação que nos querem impôr. Os professores portugueses correpondem a mais de 1% da população portuguesa e hoje, grande parte desses estiveram na rua mostrando a sua indignação perante um sistema que é tudo menos educativo. Mais de 1% da população de um país numa única classe profissional que é estrutura nuclear de qualquer Sociedade, é muita gente e com uma boa e reforçada União pode ter efeitos gravosos, caso este Governo não reveja a sua postura governativa. Apesar da Ministra, pouco depois da Mega-Manifestação ter minimizado os valores e estrategicamente, mostrado a mesma serenidade e postura política, não podemos mais deixar cair a força que hoje impusemos e teremos de, agora mais que nunca, sustentar este braço-de-ferro, sob  pena de, se desistirmos, sairmos ainda mais humilhados. Apelo a que se multipliquem manifestações, censuras, greves até o Governo vergar ... por mim, no próximo Sábado já cá estaria outra vez e note-se: saí de casa às 6h30 para chegar quase às 2h da manhã do dia seguinte. Nós temos muito valor e sem dúvida "Merecemos muito mais Respeito!"

 

                                               Fotos retiradas da Internet

 

PS: Fiz uma cobertura fotográfica interessante do evento mas ... como não sei colocar as fotos aqui. Bahhh!


publicado por Brama às 02:33
link do post | favorito
Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 4 seguidores

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. SIA Lentil

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Crato no "Mundo Perdido" ...

. Sem "papas na língua", co...

. Heartbeat Educação

. Que seria de nós sem um G...

. Como estamos em Ditadura ...

. Born Free

. MDNA, in full conviction!

. Cheikh N`Digel Lô e MDNA

. É assim que Shanghai pens...

. Aziza Mustafa Zadeh

. O tempo é escasso

. Só para relaxar um pouco ...

. Mulher que mata qualquer ...

. She give me money ... whe...

. Ainda estou vivo

. Because of You ...

. Inté

.arquivos

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Junho 2012

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds